+35
°
C
+38°
+27°
Teresina
Segunda, 07
Tera
+37° +21°
Quarta
+38° +22°
Quinta
+38° +23°
Sexta
+37° +27°
Sbado
+37° +25°
Domingo
+36° +26°
Ver Previso 7 Dias

TRÊS ANOS DE GESTÃO DO PREFEITO FIRMINO FILHO(EX PSDB-PI), E RIOS A BEIRA DA EXTINÇÃO

TRÊS ANOS DE GESTÃO DO PREFEITO FIRMINO FILHO(EX PSDB-PI), E RIOS A BEIRA DA EXTINÇÃO

MEIO AMBIENTE

TRÊS ANOS DE GESTÃO DO PREFEITO FIRMINO FILHO(ex-PSDB-PI),E RIOS A BEIRA DA EXTINÇÃO.

As provas materiais de que Teresina está doente, estão por toda a cidade.

 O PORTALDOCENTRO.COM  irá mostrar o que a mídia comprada não mostram pra você.

E nunca irão mostrar mesmo, pois o que interessa para estes objetos de esquerda, é o que entra no Bolso e na conta bancária, e não a soberania, a independência, a sustentabilidade, o avanço, a proteção das pessoas e dos recursos naturais, a modernização da cidade e sua manutenção preventiva, corretiva e estruturante, de forma que  Teresina, enquanto capital do Piauí, tenha a merecida condição de crescimento sustentável e estratégico no Nordeste do Brasil, não como base e província de Fortaleza no Ceará, de Recife capital de Pernambuco ou de São Luiz capital do Maranhão.

Talvez muitos estão esperando a chegada e ajuda do METROMAM ou DO MEGAMENTE, personagem das telas do cinema, que na cabeça dos acomodados e conformados com a situação, poderiam salvar o destino dos rios de Teresina, socorrer o sufoco dos moradores, e a assegurar a sobrevivência dos maiores recursos naturais e patrimônio hídrico do estado.

As Ong´s do Piauí e a FURPA (Fundação Rio Parnaíba) se distanciaram do real objetivo que deram a elas o "status" de "protetoras do meio ambiente".

Protetoras de que, de quem?

De si mesmas?

Relatamos aqui o caso do conhecido professor Soares, presidente da FURPA, que mais viaja para Brasília à serviço do CONAMA(CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE), agraciado com todas as suas despesas de passagem aérea, alimentação, estadia e demais regalias pagas com recursos federais, do que ficar em Teresina e se manter firme como um importante protetor da vida do Rios Parnaíba e Poty, condenados a extinção prematura.

E onde estão as outras instituições?

Será que estão no mesmo caminho ou em busca dos privilégios do ilustre professor Soares, da FURPA?

A verdade é que não existem defensores da VIDA DOS RIOS PARNAIBA E POTY. 

Ao que parece, a NEGLIGÊNCIA é uma ferramenta inescrupulosa para promover Desastres Ambientais, com intuito de lá na frente usar a Calamidade Pública para angariar mais Recursos Federais como justificativa daquilo que não foi feito direito ou que era o dever de casa fazê-lo. 

Os Aguapés tomaram de conta de toda a intenção do Poty, alertando para o alto nível de poluição despejada dentro do rio, por meio de esgotos não canalizados para estações de tratamento.

Os rios estão sendo poluídos 24 horas por dia, por meio de do despejo de esgoto da cidade de Teresina, especialmente na Zona Leste, área nobre e rica da cidade.

São inúmeras bocas de esgoto a céu aberto, facilmente flagradas por qualquer pessoa as margens do Poty, tanto na avenida Marechal Castelo Branco como do outro lado, na Avenida Raul Lopes.

Não existem obras de saneamento básico em andamento, que contemplem a construção de uma solução definitiva para salvar os rios.

Como por exemplo, a construção de uma ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO a altura da demanda de preservação ambiental da qualidade das águas dos Rios, além da fauna e da flora.

Devido ao distanciamento das ONG´S e da FURPA do real objetivo ambiental como instituições públicas, em lutar pela preservação e conservação dos rios, da fauna e da flora, o que resta, é aguardar a ação exemplar do Ministério Público Federal do Meio Ambiente, ao qual abrimos espaço para se pronunciar sobre este assunto.

A poluição dos rios está em andamento por meio do despejo de milhões de litros de esgoto canalizados as margens dos rios, piorando a qualidade da água, promovendo a extinção de peixes e destruindo a possibilidade de navegação e turismo.

Em três anos de gestão do atual prefeito de Teresina, Firmino Filho(ex-PSDB-PI), pouco se fez para assegurar a preservação dos maiores recursos hídricos que banham a capital do Piauí.

Nas próximas matérias, mostraremos mais detalhes sobre a degradação dos rios, o que assegura que Teresina é uma capital condena ao fracasso ambiental.

Isso por conta da má gestão pública, do descaso político, da arrogância do Legislativo e do Executivo, da ignorância das Instituições Ambientais, e ainda, do desvio de recursos destinados ao meio ambiente por meio da corrupção.

Todos poderão fazer vista grossa até o momento em que começar a falta água na cidade.

A partir disto, começará outra novela cubana ridícula, senão trágica.

PORTAL DO CENTRO TERESINA/PI 
DO TAMANHO DO BRASIL
14.12.15
 

CURTA NOSSA PÁGINA E RECEBA NOTÍCIAS EM TEMPO REAL 

https://www.facebook.com/portaldocentroteresina.pi/