+35
°
C
+38°
+27°
Teresina
Segunda, 07
Tera
+37° +21°
Quarta
+38° +22°
Quinta
+38° +23°
Sexta
+37° +27°
Sbado
+37° +25°
Domingo
+36° +26°
Ver Previso 7 Dias

ORCRIM QUEIMA 12 ÔNIBUS EM FORTALEZA COMO AVISO DE GUERRA

ORCRIM QUEIMA 12 ÔNIBUS EM FORTALEZA COMO AVISO DE GUERRA

SEGURANÇA PÚBLICA

No início da tarde de 19.04.17 ( Quarta-Feira), um grupo de criminosos invadiram aproximadamente 12 Ônibus das linhas do Transporte Público de Fortaleza, mandou os passageiros descerem e tocaram fogo nos veículos em PROTESTOS contra a super lotação dos presídios do Ceará. 

De acordo com informações do SINDIÔNIBUS, o número de veículos queimados pode aumentar se a PM/CE não agir com força total.

Os ataques terroristas tiveram a autoria do GDE (Grupo de Defensores do Estado) e começou por volta das 14 horas paralisado todos os terminais com ações orquestradas na capital e interior do  ceará. 

Uma carta foi encontrada dentro do ônibus idêntica a mensagens espalhadas nas redes sociais declarando GUERRA CONTRA OS POLÍTICOS CORRUPTOS DO CEARÁ. 

Em tom ameaçador, a ORCRIM GDE declarou o seguinte na carta: 

"Aviso para o governo corrupto: se mexer com as unidades prisionais igual estão fazendo, iremos parar o Estado do Ceará, explodir a Secretaria de Segurança e aquele aviso na Assembléia Legislativa do carro bomba vamos fazer valer desta vez. Os governos corruptos parem agora ou o Ceará irá viver um mês de terror. Atentados em prédios públicos. Todos inocentes mortos", pontuou o texto.

Segundo investigações preliminares, a ordem para os ATAQUES TERRORISTAS partiu de dentro do Sistema Penitenciário do Ceará.

A carta ameaçadora além de circular nas redes sociais e pelo Whatsapp, com provam que o GDE ordenou a promoção da DESORDEM PÚBLICA. 

Em conseqüência disso, a Etofor mandou recolher à sua GARAGEM toda a frota de ônibus em circulação. 

Foram registrados ATAQUES TERRORISTAS nos seguintes bairros:

Barra do Ceará, Messejana, Jangurussu, Siqueira, Conjunto São Cristóvão, Avenida José Bastos e na cidade de Horizonte, além de Aquiraz, Eusébio e Fortaleza. 

O Conjunto José Walter e o bairro Patriolino Ribeiro também tiveram tentativas frustradas de ATAQUES. 

Por conta da AÇÃO SURPRESA DA ORCRIM, a Polícia Militar do Ceará reforçou a segurança em Fortaleza. 

Nas cartas ameaçadoras os bandidos fazem provocação as autoridades da Segurança pública e ao Sistema Penitenciário do Ceará por conta transferências de presos e Lotação dos presídio. 

Como conseqüência da ação criminosa que resultou em ônibus e veículos de empresas incendiados, os terminais ficaram esvaziados na Capital e a população relatou diversos problemas na volta para casa. 

A Etufor informou que o serviço deve ser retomado a partir das 20h30 com metade da frota.

De acordo com o órgão, os veículos somente poderão circular com reforço policial.  

Em nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará ( Sindiônibus ) afirmou que uma operação para restabelecer o serviço de transporte coletivo na Capital e na Região Metropolitana foi iniciada às 18h de 19.04.17(Quarta-Feira) . 

A ação foi coordenada pelo sindicato, Etufor e Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS). 

" A decisão foi tomada em reunião realizada nesta tarde com o objetivo da retomada da operação do transporte na capital com a devida segurança ao trabalhador, à população e ao patrimônio das empresas", diz o texto. 

Apesar da retomada dos serviços de transporte público, muitos passageiros ainda encontram problemas para se locomover na Capital. 

Em diferentes pontos de Fortaleza, os usuários dos coletivos lotam as paradas de ônibus e relatam dificuldades para pegar táxis ou moto táxis. 

JORNAL DO CENTRO

DO TAMANHO DO BRASIL

FORTALEZA / CE

19.04.17